Seleção feminina participa de primeiro compromisso internacional do ano

Equipe defende o título do Torneio Quatro Nações / Foto: Cinara Piccolo/Photo&GrafiaEquipe defende o título do Torneio Quatro Nações / Foto: Cinara Piccolo/Photo&Grafia

São Paulo - A seleção brasileira feminina de handebol está definida para o primeiro compromisso internacional do ano.
 
A partir do dia 7 de junho, 21 atletas passarão por um período de treinamento e também participarão do III Torneio Quatro Nações, competição amistosa que contará com Brasil, Chile, Portugal e República Dominicana, em São Bernardo do Campo, São Paulo, e fará parte da preparação para o Campeonato Pan-Americano da categoria, que será em Buenos Aires, Argentina, de 18 a 25 de junho. O Brasil conquistou o Torneio Quatro Nações no ano passado e defenderá o título. 
 
Entre as convocadas, algumas novidades e alguns retornos. Por ser o início de um novo ciclo olímpico, o técnico interino Sérgio Graciano decidiu dar oportunidade a nomes que não vinham fazendo parte da equipe recentemente, para que possam mostrar seu trabalho. 
 
"Sempre tem um nome ou outro diferente quando se muda uma comissão técnica. Conversamos entre nós, levantamos informações sobre algumas meninas que jogam na Europa, como estavam atuando nas ligas de lá e achamos por bem chamar algumas que não vinham sendo convocadas. É um novo ciclo olímpico e algumas têm, de novo, a chance de mostrar que podem fazer parte dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020", destacou. 
 
Além de atletas que jogam no continente europeu, como a ponta direita Mariana Costa, campeã mundial em 2013, o treinador também convocou jogadoras que atuam no Brasil e têm feito um bom papel na Liga Nacional, como Dani Joia, Amanda Caetano, Mariane e Regiane.
 
Graciano afirma que o Quatro Nações será fundamental para esse momento de reinício de trabalho. "O torneio será importante porque será o reencontro das atletas. Vamos usá-lo para reativar algumas memórias técnicas, que não queremos mexer muito nesse momento. Em cima disso, vamos fazer um feedback e aí teremos mais uma semana de atividades para corrigir e deixar a equipe pronta para o Pan-Americano, que é o nosso objetivo principal", frisou. 
 
No Quatro Nações, o Brasil inicia a disputa contra o Chile, no dia 9. No dia seguinte, as adversárias das brasileiras serão as dominicanas. No último dia, o Brasil enfrenta Portugal. 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook