Centro de Treinamento Time Brasil recebe atletas do Torneio Nacional

Por meio de uma ação do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), participantes de várias categorias visitaram as instalações e tiveram contato com atletas de alto nível / Foto: Ricardo Bufolin/CBGPor meio de uma ação do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), participantes de várias categorias visitaram as instalações e tiveram contato com atletas de alto nível / Foto: Ricardo Bufolin/CBG

Rio de Janeiro - Hoje, para vários jovens atletas de Norte a Sul do País, foi dia de realizar sonhos e também de sonhar ainda mais. Participantes do Torneio Nacional de Ginástica Artística, no Rio de Janeiro (RJ), têm vivido momentos inesquecíveis e este foi mais um deles.
 
As equipes tiveram a oportunidade de conhecer o Centro de Treinamento Time Brasil, local que abriga a preparação oficial da Seleção Brasileira e, esta semana, os treinamentos do Brasileiro de Especialistas, que tem início no sábado (28), logo após o Torneio.
 
Lá, eles encontraram ídolos, exemplos de superação, empenho e de dedicação ao esporte que tanto amam. Entre eles, os medalhistas olímpicos Arthur Nory, Arthur Zanetti e Diego Hypolito. Nada melhor do que eles para inspirar uma nova geração cheia de grandes objetivos. Além disso, atletas e técnicos puderam conhecer toda a estrutura do CT, trocar ideias não só com os ginastas, mas também com treinadores experientes em competições internacionais. O resultado será, com certeza, muito conhecimento na bagagem de volta.
 
A milhares de quilômetros de casa, a pequena Letícia Soares, de 12 anos, atleta da Femac do Maranhão, mostrou empolgação e motivação de sobra. "Adorei essa visita. Não são todos os dias que temos a oportunidade de estar com medalhistas olímpicos. Foi uma experiência muito boa", resumiu.
 
Professor de Letícia, Luiz Elias, diz o quanto foi gratificante viver esse momento. "Essa visita é a realização de um sonho. Acompanhamos tudo da ginástica e nunca tínhamos tido essa oportunidade. Quando soubemos que o Torneio seria junto com o Brasileiro de Especialistas, treinamos muito e nos preparamos para estar aqui. Para termos a chance de ficarmos próximos dos nossos heróis. Agora estar aqui no Centro cara a cara com os atletas e técnicos está sendo a realização de um sonho. As crianças estão em êxtase, algumas chorando de emoção. A organização está de parabéns com toda a estrutura que foi disponibilizada."
 
Gislene, técnica da academia Gym, também lembrou que acima de tudo, esse é um exemplo muito positivo para os atletas. "Para elas é uma oportunidade muito boa essa de conhecer todos os atletas, no centro onde eles treinam, aqueles que já estão no alto rendimento. Principalmente para elas que estão começando, saber que a tendência é cada vez melhorar e que também podem chegar no alto rendimento. Foi muito bom vir aqui e também saber que onde elas estão treinando hoje foi o local das Olimpíadas e que os atletas da elite também estão competindo aqui."
 
A visita da nova geração da ginástica ao CT não é positiva somente para eles, mas também para aqueles que já são consagrados e garantiram inúmeras conquistas. Para Diego Hypolito foi muito especial ver a criançada motivada com a presença dos atletas da Seleção. "Nós também ficamos motivados em ver a alegria deles e saber que eles se inspiram em atletas como nós. Ver o brilho no olhar dessas crianças em um torneio muito importante na formação é um incentivo para não desistirem. Temos vários exemplos de perseverança, como o meu de ter caído e depois seguir em frente, do Chico, quinto colocado olímpico, do Zanetti, um multicampeão, do Nory, uma surpresa já com uma medalha olímpica na primeira participação dele. Tem aqui vários atletas para eles se espelharem e não desistirem do sonho deles", destacou o medalhista de prata no solo na Rio 2026.
 
Coordenador da ginástica artística da Confederação Brasileira de Ginástica, Marcos Goto destaca a importância desse intercâmbio. "Aproximar a base do alto rendimento foi o objetivo principal dessa competição, porque isso abrange troca de conhecimento, uma grande rede de contatos, treinadores da base acompanhando o treinamento de alto nível e podendo conversar com os técnicos. Para os jovens atletas, estar ao lado dos medalhistas olímpicos e mundiais é motivante. Muitos já sabem onde querem chegar e aqui viram que precisam trabalhar duro. Alguns não têm espelho e a ação da visita deles ao CT, a casa da Ginástica Artística Brasileira, ofereceu uma integração extremamente válida para o desenvolvimento da modalidade no nosso País."
 
O Centro de Treinamento Time Brasil está disponível para treinamentos dos clubes do Brasil conforme agenda e disponibilidade.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook