Sesc RJ erra muito mas vence Brasília pela Superliga Feminina

A equipe carioca se aproximou da liderança com esta vitória / Foto: Erbs Jr. / Sesc RJ A equipe carioca se aproximou da liderança com esta vitória / Foto: Erbs Jr. / Sesc RJ

Rio de Janeiro - O Sesc RJ venceu o BRB/Brasília Vôlei por três sets a zero e se aproximou ainda mais da liderança da Superliga Feminina 2017-18. A equipe do técnico Bernardinho fechou o placar com parciais de 25x21, 25x20 e 25x21. O jogo, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro, ontem, dia 2, foi válido pela sétima rodada do returno da Superliga Feminina 17/18.
 
Apesar do bom resultado e de ter conquistado os três pontos, o Sesc RJ jogou aquém do esperado nesta partida. A equipe entrou desconcentrada e cometeu erros que permitiram que o Brasília se aproximasse no placar em diversos momentos. Destaque do jogo, a líbero Fabi venceu Troféu VivaVôlei da noite e falou sobre o desempenho da equipe e a expectativa para os próximos jogos.
 
“A gente vem de belos confrontos em casa, mas hoje o Bernardo não deve estar muito satisfeito porque acabamos permitindo uma reação do time do Brasília. Cumprimos o objetivo que era vencer em casa, por 3 a 0. Mas saímos com o gostinho de que poderíamos ter jogado melhor. Agora, vamos para o jogo contra o Bauru, na semana que vem, que será uma partida difícil também”, disse a líbero.
 
O jogo - No primeiro set, o Sesc RJ se manteve à frente do placar, com bons pontos de ataque de Monique e Gabi. No entanto, devido principalmente a alguns erros cometidos pela equipe carioca, o Brasília não deixou a diferença aumentar muito e chegou mesmo a empatar em 15x15. O Sesc RJ fechou em 25x21, com um belo ataque de Gabi.
 
O excesso de erros se repetiu no segundo set, mas ainda assim o Sesc RJ manteve-se à frente do placar. A equipe abriu 10x4 com bons saques de Monique. No placar de 20x15, Bernardo inverteu o 5 e 1 e Carol Leite entrou no lugar de Monique e Natiele no lugar de Roberta. Natiele e depois Mayhara foram responsáveis por belos ataques que levaram o Sesc RJ a fechar a parcial em 25x20. 
 
No terceiro set, Peña e Vivian entraram no lugar de Drussyla e Mayhara. Novamente, não foi um set tranquilo. Natiele e Carol Leite inverteram o 5 e 1 em 21x15. Mas o time do Brasília reagiu e chegou a 22x20. Peña fechou para o Sesc RJ em 25x21.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook