Vôlei Nestlé recebe Bauru em busca da sétima vitória consecutiva na Superliga

Ninkovic, Tandara, Bia e Mari no Time dos Sonhos / Foto: João Pires / FotojumpNinkovic, Tandara, Bia e Mari no Time dos Sonhos / Foto: João Pires / Fotojump

São Paulo – Invicto no returno da Superliga, com uma sequência de seis vitórias, o Vôlei Nestlé recebe o Vôlei Bauru nesta sexta-feira, dia 2 de fevereiro, a partir das 19h30, no José Liberatti. Com o objetivo de conquistar a sétimo vitória seguida, a equipe de Osasco vai com força máxima em quadra e conta com o apoio de seus torcedores.
 
A central Bia falou da importância da torcida, que têm enchido as arquibancadas do ginásio em todas as rodadas da competição nacional. “Eles são, sem dúvida, o nosso sétimo jogador e seu apoio faz toda a diferença nos jogos em casa”.
 
Levando em conta a campanha do tricampeonato da Copa Brasil, a série invicta do Vôlei Nestlé chega a nove partidas (vitórias sobre Hinode Barueri nas quartas de final, Sesc/RJ na semifinal e Dentil Praia Clube na decisão). Mesmo com o bom momento, a palavra de ordem na equipe de Osasco é trabalho. “As atletas têm demonstrado muita vontade e empenho nos treinos e jogos. Depois de um primeiro turno irregular, toda essa dedicação tem rendido frutos. Mas sabemos que a caminhada até a final é longa e difícil, por isso, batalhamos para evoluir sempre”, resume o técnico Luizomar.
 
Para Mari Paraíba, o Vôlei Nestlé precisa manter a mesma pegada das últimas partidas. “O time vem crescendo rodada a rodada e o importante é seguir nesse caminho. A partida contra Bauru não será fácil, mas estudamos bastante a equipe delas e o objetivo é repetir a atuação que tivemos contra Brasília, quando conseguimos executar todo o plano técnico e o resultado foi a vitória por 3 sets a 0”, explica a ponteira.
 
Vôlei Nestlé e Vôlei Bauru protagonizaram um confronto equilibrado no primeiro turno. A equipe de Osasco abriu 2 a 0 no ginásio Panela de Pressão, porém, as adversárias reagiram e levaram a decisão para o tie break. No final, prevaleceu a força de Bia, Tandara, Fabíola e cia., que conquistaram a vitória por 3 sets a 2.
 
Tudo dominado - O Vôlei Nestlé segue dominando o Time do Sonho da Superliga. A equipe de Osasco tem quatro entre as seis atletas na seleção do Campeonato, com Tandara, Bia, Ninkovic e Tássia. Além do quarteto, a ponteira Mari Paraíba integra a equipe B da competição nacional. No total, o clube aparece na liderança no desempenho individual, com cinco nomes entre as 14 mais eficientes, de acordo com as estatísticas da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).
 
Tandara é a maior pontuadora no geral e segunda na porcentagem das parciais (316 pontos no total e 4,79 por set), segundo a estatística da CBV. A atacante também é a terceira sacadora mais ‘mortal’, com 20 aces. Neste fundamento, Nadja Ninkovic está em segundo lugar. A central sérvia soma o mesmo número de pontos, mas leva vantagem no critério de desempate.
 
Bia é sinônimo de paredão. A central do Vôlei Nestlé é a melhor bloqueadora da Superliga, com 68 pontos marcados, e melhor aproveitamento por set, com 1,01 bloqueio vencedor por parcial. Já a líbero Tássia encabeça a relação de melhor recepção da Superliga, com 73% de aproveitamento no passe. Nesse fundamento, Kika aparece na quarta posição, com 69%.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook