Corinthians-Guarulhos faz primeiro jogo na Ponte Grande em 2018

Sidão é um dos pilares da equipe alvinegra nessa Superliga / Foto: July Stanzioni/Corinthians-GuarulhosSidão é um dos pilares da equipe alvinegra nessa Superliga / Foto: July Stanzioni/Corinthians-Guarulhos

São Paulo – O Corinthians-Guarulhos faz neste sábado, 20 de janeiro, às 19h (com transmissão do SPORTV) seu primeiro jogo em 2018 no Ginásio da Ponte Grande. O adversário deste fim de semana é o SESC-RJ dos campeões olímpicos Maurício Borges e Maurício Souza, comandados pelo técnico também medalhista olímpico, Giovane Gávio.
 
A equipe alvinegra busca sua primeira vitória no returno diante de adversários que brigam diretamente pelo topo da tabela (Sada/Cruzeiro na última rodada e agora com a equipe carioca). O ponteiro Ygor Ceará acredita que a ‘volta do padrão de jogo’ na última rodada é essencial para a sequência do segundo turno da Superliga.
 
“Saímos de cabeça erguida do jogo contra o Sada, nosso jogo se desenvolveu, conseguimos jogar de igual para igual diante de uma das equipes favoritas ao título da Superliga. Esse é o nível de jogo que temos que ter para jogar com as outras equipes e poder sair com um resultado positivo. Estamos atentos para que esse seja o nosso padrão de jogo daqui para frente nesse segundo turno e buscar pontos importantes nesse returno. Contra o SESC-RJ neste fim de semana será bem melhor do que o jogo do início do ano com eles que não conseguimos apresentar esse padrão de jogo”, avaliou o atacante.
 
Em casa, o time guarulhense fez uma companha interessante no primeiro turno. Em seis jogos disputados em seu domínio foram três vitórias (contra o Minas, Montes Claros e Vôlei Renata) e três derrotas (Sada/Cruzeiro, SESI-SP e EMS Funvic/Taubaté).
 
"Gostamos de jogar em casa, jogamos bem aqui e nos sentimos muito bem em casa com o apoio maciço dos nossos torcedores. Acredito que tudo isso pode sim contribuir para que possamos fazer uma boa partida. Em casa sacamos muito bem, bloqueamos bem. Estamos motivamos e determinados para buscar essa vitória que é de extrema importância para a sequência da Superliga", animou-se o levantador Rodrigo.
 
Jogando contra o SESC-SP, foram dois jogos e duas derrotas na temporada (uma por 3 a 1 no primeiro turno da Superliga e outra por 3 a 0 na Copa Brasil de Vôlei). Para o experiente Sidão, é preciso melhorar o desempenho do alvinegro em busca de um resultado positivo neste fim de semana.
 
“O SESC está com um time bem armado e pensando na nossa equipe temos que errar menos. Errar menos saque, pois é um fundamento que será importante nessa partida, pois consequentemente nosso time poderá bloquear melhor. Nosso sideout tem que ser melhor, temos que rodar melhor as bolas de primeira para ajudar o Rodrigo também (o levantador) e para o nosso time poder voltar a ter um resultado positivo, já que estamos vindo de três derrotas nesse início de ano. Sabemos da nossa capacidade e que nesses últimos três jogos atuamos abaixo do que vínhamos fazendo. Antes de falar do SESC, temos que pensar no que nosso time pode melhorar, para o jogo render melhor para o nosso lado. Sabemos que vamos amortecer bolas na defesa e no bloqueio, mas precisamos também efetivar as ações de ataque”, analisou o central.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook