Marcelo Melo cai para 2º posição do ranking por critério de desempate

Dupla busca primeira vitória na Alemanha / Foto: João Pires / FotojumpDupla busca primeira vitória na Alemanha / Foto: João Pires / Fotojump

São Paulo – Marcelo Melo passou a ocupar a segunda colocação no ranking mundial individual de duplas da ATP. Na atualização desta segunda-feira, dia 30, Melo e seu parceiro, Lukasz Kubot - que estavam empatados na liderança - continuam somando o mesmo número de pontos, 7.870.
 
Mas, pelo primeiro critério de desempate - número de torneios disputados ao longo de 52 semanas -, Kubot ocupa agora o primeiro lugar isolado, seguido por Marcelo, que tem uma competição a mais - 24 contra 23 do polonês. Mesmo assim, o mineiro é recordista do Brasil em número de semanas como número 1 do mundo - 56 até a semana passada.
 
Eles aparecem à frente do croata Mate Pavic, em terceiro, com 6.880 pontos. O austríaco Oliver Marach ocupa o quarto lugar, com 6.830. Os irmãos Bryan - Bob e Mike - empatam em quinto, com 6.570 pontos.
 
Melo e Kubot estão na Alemanha. Nesta semana disputam, como cabeças de chave número 1, o ATP 250 de Munique. A estreia da dupla será nesta terça-feira, dia 1º, diante dos argentinos Maximo Gonzalez e Diego Schwartzman, em partida válida pela primeira rodada, abrindo a programação da quadra 2, às 6h (horário de Brasília). Eles já enfrentaram e venceram Schwartzman este ano, na estreia do ATP 500 de Barcelona, na semana passada, mas o argentino estava ao lado do russo Karen Khachanov.
 
Será o terceiro torneio da temporada europeia em quadras de saibro de Melo e Kubot. A sequência conta, ainda, com os os Masters 1000 de Madri, na Espanha, e Roma, na Itália, até chegar a Paris, na França, no final de maio, para o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook