Diego Schwartzman é o campeão do ATP 500 no Rio

Schwartzman é campeão do Rio Open 2018 / Foto: FotojumpSchwartzman é campeão do Rio Open 2018 / Foto: Fotojump

Rio de Janeiro - O argentino Diego Schwartzman fez um jogo perfeito para superar o espanhol Fernando Verdasco, por 2 sets 0, com parciais de 6/2 e 6/3, neste domingo, dia 26 de fevereiro, e conquistar pela primeira vez o Rio Open e se tornar o quinto campeão da história do torneio.
 
O espanhol Verdasco vinha embalado pelo título de duplas no Rio, conquistado no sábado, dia 24. Schwartzman recebeu o troféu das mãos de Gustavo Kuerten, na quadra que leva o nome do tricampeão de Roland Garros. O argentino de 25 anos ganhou premiação de aproximadamente R$ 1,2 milhão e vai somar 500 pontos no ranking. Verdasco ficou com R$ 586 mil, além de 300 pontos na classificação
 
O Rio Open faz parte do ATP World Tour, que reúne 13 torneios desse porte, sendo apenas três no piso de saibro, Barcelona e Hamburgo são os outros. O título no Rio foi o primeiro nível 500 de Schwartzman, e o segundo troféu da carreira do argentino, venceu o ATP 250 de Istambul, em 2016.
 
A conquista no Jockey Club Brasileiro vem coroar a ascensão de Schwartzman no circuito. Depois de alcançar sua melhor posição no ranking (23ª) em janeiro, após a campanha no Aberto da Austrália, o argentino vai aparecer entre os top 20 pela primeira vez na carreira, na 18ª posição, na lista que sai nesta segunda-feira, dia 26.
 
"Sei que não é fácil para os brasileiros ver um argentino vencer aqui, mas quero agradecer o apoio que tive durante toda a semana. Também não imaginei enfrentar um dia um rival como o Verdasco numa final, e receber o troféu de campeão de Guga. Foi um sonho realizado", disse o simpático argentino, cabeça de chave 6 do Rio Open, que já tinha vencido Verdasco uma vez.
 
Schwartzman se emocionou com o título ao lembrar as dificuldades para se tornar um jogador profissional. A família fez de tudo para ele jogar. Com dificuldades financeiras, a mãe ia aos torneios com ele e vendia pulseiras para juntar dinheiro e pagar as estadias nos hotéis. "Minha família deve estar chorando agora, dedico esse título a eles, a minha tia, que está passando por um momento difícil, com uma doença grave. Somos muito unidos ", disse ele, que chorou na premiação.
 
"Diego esteve bem melhor do que eu hoje em quadra. Me senti um pouco cansado, chegando tarde nos pontos e cometendo muitos erros. Mas saio feliz daqui pela campanha, tive uma semana especial no Rio, quase perfeita, espero voltar no ano que vem", disse Verdasco.
 
Schwartzman se tornou o 5o. campeão do Rio Open. Rafael Nadal venceu o trofeu da primeira edição, seguido por David Ferrer, Pablo Cuevas e Dominic Thiem.
 
Ao todo a edição 2018 do evento, reuniu 3 jogadores top 10, incluindo Thiem, o campeão de Grand Slam Marin Cilic e o espanhol Pablo Carrenõ Busta; além do carismático Gael Monfils. Nas duplas, o evento reuniu 7 campeões de Grand Slam, contando com Bruno Soares e Marcelo Melo e viu Verdasco e Marrero conquistarem o título.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook