Bia Haddad Maia vence favorita de virada em Tianjin

Tenista Revelação / Foto: Lintao Zhang/Getty ImagesTenista Revelação / Foto: Lintao Zhang/Getty Images

China - Depois de dois dias de espera por causa da chuva, a paulista Beatriz Haddad Maia enfim pode estrear no WTA de Tianjin. Nesta quarta-feira, dia 11, Bia eliminou de virada a croata Donna Vekic, cabeça de chave 4 do torneio chinês e 46o. do mundo, por 6/7(4) 6/4 6/2, em 2h08min de partida.
 
“Foi um jogão”, comemorou a tenista número 1 do Brasil e 58o. do mundo. “Eu já sabia que seria um jogo duro. Ela joga muito sólido, mas aproveitei bem as oportunidades que tive e consegui sair com a vitória”, completou.
 
Pelas oitavas de final, na madrugada desta quinta-feira, dia 12, por volta das 0h30 (horário de Brasília), Bia terá pela frente a experiente italiana Sara Errani, ex-top 5 e atualmente 280a. do mundo, que saiu do qualifying e venceu a ucraniana Kateryna Kozlova, por 6/2 6/1.
 
Será o terceiro encontro entre as duas. No primeiro deles, no Rio Open 2015, Bia venceu o primeiro set, perdeu o segundo no tiebreak e abandonou no terceiro, quando vencia por 3/0. No segundo, este ano, em Bol, a brasileira venceu em dois sets. “Mais uma pedreira pela frente. A Errani joga bem e vou ter que ser agressiva desde o início, para não dar chance a ela”, observou Bia.
 
Tenista Revelação - Momentos antes de estrear no WTA de Tianjin, Bia recebeu uma ótima notícia. Ela é uma das atletas indicadas pela WTA para o prêmio de tenista revelação de 2017. Além de Bia, outras três tenistas foram indicadas ao prêmio: Catherine Bellis (Estados Unidos), Elise Mertens (Bélgica) e Marketa Vondrousova (República Tcheca).
 
O resultado será divulgado durante o WTA Finals, em Singapura, de 22 a 29 de outubro. Os votos serão dados por jornalistas de todo mundo.
 
O critério para a indicação foi tenistas que entraram no top 100 pela primeira vez ou que conquistaram resultados expressivos este ano. E Bia, de 21 anos, fez os dois. Em maio tornou-se a oitava jogadora brasileira na história a entrar no top 100 da WTA. Começou o ano em janeiro na 173a. colocação do ranking e até agora garantiu 115 posições ao chegar em 58a.
 
Entre seus principais resultados deste ano estão o título do ITF 25K de Clare e do ITF 100K de Cagnes-Sur-Mer (França), o vice-campeonato no WTA de Seul, além das quartas de final no WTA de Praga, depois de bater a ex-número 6 do mundo Samantha Stosur.
 
“Estou muito feliz com essa indicação. Ela mostra que estamos no caminho certo e que 2017 está sendo um ano muito especial, cheio de ‘primeiras vezes’ na minha carreira, como minha primeira vitória em Grand Slam em Wimbledon, primeira vitória sobre uma top 20, a Stosur, em Praga e minha primeira final de WTA em Seul”, afirmou Bia.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook