Tênis masculino tem dia de vitórias em Santiago

Mateus Alves e Thiago Wild estão na final de duplas e nas semis de simples / Foto: Wander Roberto/Exemplus/COBMateus Alves e Thiago Wild estão na final de duplas e nas semis de simples / Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB

Chile - O tênis brasileiro teve um grande dia nesta terça-feira (3) nos Jogos Sul-americanos da Juventude Santiago 2017. Mateus Alves e Thiago Wild avançaram para a final de duplas após derrotarem os venezuelanos Badra e Perez por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 6/2. Agora, os brasileiros enfrentam os argentinos Baez e Descarrega na disputa pelo ouro, nesta quarta-feira.
 
Antes da qualificação para a final de duplas, os jovens tenistas do Time Brasil atropelaram seus adversários nas simples e avançaram para as semifinais. Mateus venceu o uruguaio Francisco Llanes por 6/0 e 6/1, enquanto Wild superou Antonio March, do Equador, por duplo 6/1. Na semi, Thiago enfrenta Baez (ARG), enquanto Matheus duela contra Mejia, da Colômbia. Os jogos abrem a rodada desta quarta nas quadras de Santiago.
 
“Entrei na quadra dando o melhor de mim e impondo meu jogo. Eu e o Thiago temos jogado juntos e treinado bem nos últimos dias e estou bastante confiante para as próximas partidas. Estamos bem entrosados e vamos confiantes rumo a final”, comentou Mateus, de 16 anos.
 
Foi com o incentivo do pai, o ex-tenista Claudio Wild, que Thiago deu as primeiras raquetadas. Natural de Marechal Cândido Rondon (PR), o atual 17º no ranking mundial juvenil vem alcançando bons resultados nas categorias de base. Em 2017 foi vice-campeão do tradicional torneio Banana Bowl, que costuma revelar diversos talentos para o esporte.
 
“Joguei bem sólido na quadra hoje. Venho de uma sequência de dias jogando bem. Está sendo uma experiência diferente competir em equipe aqui em Santiago. Normalmente não temos isso no tênis, por isso está sendo bem interessante. Tem gente para conversar. Não me sinto sozinho”, comentou Thiago, que está curioso para assistir às partidas do basquete 3x3, nova modalidade olímpica para Tóquio 2020.
 
Mateus também está aproveitando ao máximo a estadia em Santiago para conhecer os atletas de diferentes esportes. “É uma experiência única. Minha primeira vez jogando essa competição, uma oportunidade ímpar. É diferente, porque aqui são várias modalidades, todo mundo focado para representar o país”, elogiou o tenista de São José do Rio Preto, que começou no tênis por influência dos pais.
 
Com os Jogos Olímpicos da Juventude Buenos Aires 2018 como meta, Thiago elogiou a nova geração de tenistas do Brasil. “A nossa geração está bem forte, estamos subindo rápido. Acho que em quatro anos teremos alguns jogadores entre os melhores do mundo”, projetou o tenista de 17 anos.
 
No feminino, Nalanda Teixeira foi eliminada pela colombiana Laura Garcia por 2 a 0. O Brasil ainda tem chances de medalha com Marina Figueiredo, que enfrenta a colombiana Camila Osório na semifinal, nesta quarta. Nalanda e Marina também disputam a medalha de bronze no mesmo dia contra Los Arcos e Gonzalez, da Venezuela.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook