Brasil inaugura Copa do Mundo Masters de Ski Alpino no Valle Nevado

Stefano Arnhold e Thais Melo representam país em quatro provas até domingo / Foto: CBDN/DivulgaçãoStefano Arnhold e Thais Melo representam país em quatro provas até domingo / Foto: CBDN/Divulgação

Chile - Na tradicional estação de ski de Valle Nevado, tem início nesta sexta (15) a Copa do Mundo Masters de Ski Alpino, além da 32º da Copa Sul-Americana na mesma modalidade e categoria. Com prova de Slalom Gigante organizada pelo Brasil logo na abertura, a competição contará com a participação de, ao menos, 12 nações diferentes e dos atletas brasileiros Stefano Arnhold e Thais Melo.
 
Realizada pela Confederação Brasileira de Desportos na Neve em conjunto com a Federação Chilena de Ski e Snowboard e também a Associação Chilena Masters de Ski, o evento que terá seu encerramento domingo (17) na também chilena estação de La Parva, reunirá esquiadores de Estados Unidos, Rússia, França, Suíça, Tailândia, Brasil, Chile, Japão, Grã-Bretanha, Itália, República Tcheca e Argentina. Entre eles, o italiano Herman Oberlechner e o francês Michel Lerat, considerados uns dos melhores atletas do mundo e destaques do Slalom Gigante e Slalom, respectivamente.
 
Nesta sexta, acontece prova de Slalom Gigante, que abre mais uma edição da Copa do Mundo. Já no sábado, o dia será movimentado com a realização de duas provas de Super G, sendo uma de organização brasileira e outra chilena. No último dia, domingo, os atletas cruzam a montanha com destino a La Parva para prova técnica de Slalom. Thais Melo é a representante do Brasil na categoria C-1, enquanto Stefano Arnhold, presidente da CBDN, figura na categoria B-7.
 
“A abertura da Copa do Mundo Másters de ski alpino acontece anualmente no Chile e é brasileira. A etapa conta com quatro provas, sendo duas organizadas pelo Brasil e duas pelo Chile. Estas provas marcam a abertura da Copa e somam pontos para a pontuação geral da competição, o que atrai os melhores do mundo. Temos aqui atletas como o francês Michel Lerat e o italiano Herman Oberlechner. Cabe ao Brasil não apenas participar, mas também organizar duas provas, em parceria com o Valle Nevado que já dura mais de 20 anos”, comentou Arnhold.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook