Maria dos Remédios Castro morre na Baixada Santista

Maria dos Remédios Castro / Foto: DivulgaçãoMaria dos Remédios Castro / Foto: Divulgação

São Paulo - Dia triste para as corridas de rua na Baixada Santista. Uma das maiores referências da modalidade na região, a experiente Maria dos Remédios Castro faleceu nesta quarta-feira, dia 9, aos 48 anos de idade, vítima de infecção generalizada, segundo informou a família.
 
Por muitos anos, ela representou muito bem a região, com vitórias importantes, como a Meia Maratona A Tribuna-Praia Grande, em 2012, a Ultramaratona da Cidade do Rio Grande, no Rio Grande do Sul, e o pentacampeonato santista.
 
Conhecida por sua alegria, espontaneidade, estava sempre disposta a ajudar o próximo. Há dois anos, anunciou a sua despedida da categoria elite nos 10 KM Tribuna FM-Unilus e estava inscrita para a 33ª edição da prova, no próximo dia 20, agora como elite B. Formada em Educação Física pela Universidade Metropolitana de Santos (Unimes), em 2007, venceu na vida pelo esporte e atualmente trabalhava com sua assessoria esportiva, em São Vicente, ajudando dezenas de pessoas.
 
Rival apenas nas corridas, a amiga Sirlene Souza de Pinho, falou da relação com Remédios. “Ela era uma referência no esporte para mim. E como fã, tive o privilégio de ser sua amiga também. Nossa rivalidade era apenas na hora das competições. Dividimos muitos pódios juntas. Saber do seu falecimento me faz partir o coração”, comentou.
 
“Ela sempre me incentivou, levava alegria para todos nós, atletas. Sempre muito centrada, focada, era tão exigente consigo, que até se mostrava "chata" no dia da prova. Até quando discutíamos, a admiração e o respeito falavam mais alto e nossa união se fortalecia ainda mais”, complementou Sirlene, que foi a vice no ano que Maria dos Remédios foi campeã da Meia de Praia Grande.
 
Diretor-presidente de A Tribuna e também corredor, Marcos Clemente Santini, lamentou a perda de um ícone do esporte da região. “Hoje é um dia muito triste para o esporte em geral da nossa região. Conhecia a Maria dos Remédios há muitos anos, correndo pelas areias e sempre admirei a sua persistência como atleta e alegria como pessoa, além de ser uma corredora que inspirou muitos iniciantes. Tínhamos uma relação muito boa, pela admiração à sua história e o amor que ela tinha por nossas corridas”, afirmou.
 
Quem também enalteceu a lembrança da corredora foi o ultramaratonista Valmir Nunes. “Me lembro da Maria dos Remédios quando venceu a Meia da Praia Grande e quando iniciou nos campeonatos regionais de rua da Cidade. Ficamos tristes com a sua partida rápida e chocados, por tê-la visto correndo na praia no domingo e na quarta-feira acontecer isso”, falou.
 
Homenagem – No próximo sábado, dia 12, no Projeto Treine com os Campeões, que terá o herói olímpico Vanderlei Cordeiro de Lima conversando com o público, será realizado um minuto de silêncio em lembrança à Maria dos Remédios Castro. O evento está marcado para começar exatamente às 9 horas, na Concha Acústica, junto ao Canal 3, na Praia do Gonzaga.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook