Spartan Race vai reunir famílias em torno do esporte no RJ

E-mail Imprimir

Competição internacional presente em 26 países, Reebok Spartan Race terá desafios e muita diversão para as famílias no dia 11 de junho / Foto: DivulgaçãoCompetição internacional presente em 26 países, Reebok Spartan Race terá desafios e muita diversão para as famílias no dia 11 de junho / Foto: Divulgação

Rio de Janeiro - O cuidado com a saúde atrelado à prática esportiva tem sido tema muito abordado em diversas esferas da nossa sociedade. Pensando gerar bem-estar e unir famílias em torno das atividades físicas, a Reebok Spartan Race, maior corrida com obstáculos do mundo, desembarcou no Brasil em 2016 para revolucionar alguns conceitos dentro do país.
 
Após duas etapas realizadas no ano passado, a competição estreia na cidade do Rio de Janeiro no próximo dia 11 de junho, cercada de muita expectativa e novidades. Idealizada para ser muito mais do que um evento esportivo, a Spartan conta com uma ampla área de convivência, estacionamento, variedade de Food Trucks, dentre outras surpresas e ativações dos patrocinadores.
 
Disputada nas cidades de Bom Jesus do Pirapora (SP) e Itaipava (RJ) em sua chegada ao território brasileiro, a Reebok Spartan Race colecionou histórias de sucesso, superação e amizade. O clima de harmonia criado ao redor de um dia cercado por experiências únicas trouxe ao país pessoas dos mais variados locais do mundo, incluindo muitos sul-americanos.
 
Apresentador de TV e atleta nas horas vagas, Juliano Ceglia foi um dos que experimentaram a prova em seu primeiro ano no Brasil. Com vasta bagagem em eventos de corrida, ele contou como foi participar de uma competição em companhia de sua família. Além disso, atentou para a importância de deixar as crianças cada vez mais familiarizadas com a prática de exercícios físicos.
 
“Realmente, faço provas de diversas modalidades e o que mais me chamou a atenção na Spartan Race, foi a união de desafios para adultos e crianças, cada um com seu respectivo grau de dificuldade. Eu, por exemplo, me preocupo muito com a criação dos meus filhos e evito ao máximo o uso de tablets e celular para jogos. Ao
invés disso,  levo o Léo, de 7 anos, e o Theo, de 6, para praticar vários tipos de exercícios comigo. A Spartan Race trouxe a possibilidade de levá-los a ter contato com um esporte de aventura, com toda a segurança necessária para isso. Assim, eu e minha esposa pudemos assistir e torcer para os meninos, ao mesmo tempo em que competimos numa prova semelhante. Eles guardam com carinho a medalha e a camisa de finisher até hoje. Guardamos na memória os bons momentos que passamos naquele dia”, disse.
 
Entusiasmado com a chance de levar seus filhos a um evento de grande porte, Juliano conta como foi o processo preparatório para a prova. Dono de um olhar criterioso, ele confessa que chegou a temer pelos imponentes obstáculos, mas ficou mais tranquilo ao perceber que o evento oferecia toda infraestrutura e segurança a todos os participantes.
 
“Como disse. Treinar de forma lúdica e saudável faz parte da rotina dos meus filhos. Levo os meninos para participar de várias provas de corrida de rua, mas eles nunca tinham participado de uma corrida de obstáculos. Nas semanas anteriores, eu criei situações que simulavam obstáculos e treinei corrida com os meninos.
Quando estávamos a caminho, imaginei que fossem obstáculos pequenos e muito lúdicos, mas quando chegarmos lá e vimos obstáculos altos, interativos e até um riacho para ultrapassar, confesso que me atentei a verificar questões de segurança. Tenho experiência com escalada e organização de eventos, por isso, adquiri um olhar clínico. Percebi a qualidade e preocupação em cada detalhe daquele circuito e, a partir daí, fiquei bem tranquilo com a participação deles na prova kids. Na Spartan você curte e encara os desafios de forma divertida, organizada e extremamente segura”.
 
Para finalizar, o apresentador contou o que é necessário para ir bem em uma prova desse estilo: "Acredito que para participar de qualquer evento esportivo, o atleta amador precise realizar o mínimo de treino necessário para terminar a prova sem lesões e cansaço excessivo. Vale lembrar que o intuito desse tipo de prova é muito mais lúdico do que competitivo. Prova de obstáculos como a Spartan Race são incríveis por proporcionar uma experiência diferente das que temos contato em corridas de rua, por exemplo. 
 
Sobre o treinamento, atletas amadores de crossfit têm se identificado bastante com a Spartan, pois conseguem utilizar técnicas aprendidas no box para ultrapassar os desafios propostos”, concluiu.
 
Serviço:
 
Reebok Spartan Race - Etapa Rio de Janeiro
Data: 11 de junho de 2017
Local: CEFAN - Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes – Rio de Janeiro (RJ)
Endereço: Av.Brasil, 10.590 - Penha - RJ
Inscrições: www.spartanracebrasil.com.br
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Copa Brasil de Vela

Confira os melhores momentos da Copa Brasil 

 

 

 
Rip Curl Grom Search 2017

Maresias - Confira tudo o que rolou na grande final

Mascotes
Cross Urbano Caixa DF

Brasília - Confira como foi a corrida no Estádio Mané Garricha

Entrevista

Relógios de Corrida

São Paulo -  Gerente de marketing da Timex  fala sobre relógios pra corrida e triathlon

Curta - EA no Facebook