Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro abre inscrições em Sertãozinho

Projeto, que atende escolas públicas e privadas, entidades e núcleos da assistência social, atuará por duas semanas no município / Foto: Martinez Comunicação Projeto, que atende escolas públicas e privadas, entidades e núcleos da assistência social, atuará por duas semanas no município / Foto: Martinez Comunicação

São Paulo - A Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro – Fase IV está com inscrições abertas, até a próxima quinta-feira (16), para crianças de seis a 12 anos que queiram participar de uma das duas semanas em que atuará na cidade de Sertãozinho.
 
O projeto, totalmente gratuito, prevê fornecer, além de lições de bicicleta, disciplinas que abrangem educação no trânsito e cidadania, tais como leis de trânsito, placas, faixas de pedestre, semáforos, toda sinalização (manual) usada por ciclistas e, ainda, conceitos como o respeito a idosos, crianças e outros veículos, por exemplo.
 
As aulas serão ministradas durante as semanas de 20 à 24 de novembro e 27 de novembro à 1º de dezembro – de segunda à sexta, das 14h às 17h. O cadastro de alunos pode ser feito na secretaria do CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados “Eurides F. Teixeira”). O endereço é Rua Pedro Montenegro, 340, Jardim Santa Maria. Podem participar crianças que estudem em colégios públicos ou particulares.
 
“Sertãozinho é uma cidade já parceira do nosso projeto há alguns anos e estamos muito felizes de poder oferecer mais uma vez aulas da Escola de Ciclismo para as crianças da cidade. É uma ótima oportunidade de conhecerem o projeto, de praticarem esporte, educação e cidadania ao mesmo tempo”, ressalta Danilo Terra, idealizador da Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro.
 
Ao final da semana, as crianças participantes são habilitadas: ganham um diploma em formato de CNH (Carteira Nacional de Habilitação), com nome completo e foto, garantindo um estímulo a mais para colocar em prática as lições aprendidas.
 
Atualmente na quarta temporada, o programa - que também oferece uniformes, lanches, diários, cartilhas e garrafinhas plásticas típicas do ciclismo aos participantes -, já atendeu 6.220 crianças desde a fundação. Todas, no período de aulas, têm acesso à bicicletas equipamentos de segurança e todo material e equipamento necessários.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook