120 x 115: O ouro em Indianápolis

Sesc Consolação celebra os 30 anos da vitória do Brasil sobre os Estados Unidos no basquete / Foto: AP Photo/Mark DuncanSesc Consolação celebra os 30 anos da vitória do Brasil sobre os Estados Unidos no basquete / Foto: AP Photo/Mark Duncan

São Paulo - A Seleção de Basquete Americana nunca tinha perdido um jogo em casa. Traziam no histórico oito das nove medalhas de ouro disputadas na modalidade em jogos Pan-Americanos e a invencibilidade em 34 jogos desta competição.
 
Com a Market Square Arena lotada, o dia 23 de agosto de 1987 parecia destinado a mais uma festa dos donos da casa, até a Seleção Brasileira entrar em quadra e surpreender a todos. Trinta anos depois, nada mais apropriado do que ter o placar desse jogo como nome da exposição que celebra essa conquista, por isso, de 4 de julho a 2 de setembro, o Sesc  Consolação apresenta: 120 x 115: O ouro em Indianápolis .
 
Para contar os bastidores e curiosidades deste capítulo do esporte brasileiro, a curadoria de quem acompanhou tudo de perto, o jornalista Marcelo Duarte, que na época tinha 22 anos e estava iniciando na profissão, “Era minha primeira cobertura de um evento internacional. Difícil imaginar que estávamos entrando para a história”, relembra.
 
A camisa usada por Guerrinha na final, a medalha de ouro do Silvio, as munhequeiras, com faixas verdes e amarelas, do Paulinho Villas Boas, além de fotos, vídeos, jogos interativos, jornais e revistas da época, apresentam ao público a trajetória da equipe liderada por Ary Vidal e formada por André, Rolando, Cadum, Gérson, Guerrinha, Israel, Marcel, Maury, Oscar, Paulinho, Pipoka e Sílvio nos Jogos Pan-Americanos de Indianápolis, em 1987.
 
Repleta de depoimentos dos protagonistas desta conquista, a exposição traz todas as etapas da conquista, desde a preleção de um time que tinha a certeza de uma derrota, passando pelo 1º tempo que terminou com o Brasil perdendo por 14 pontos, o intervalo, em que alguns dos jogadores garantem ter visto as garrafas de espumante chegando para a comemoração dos donos da casa, o 2º tempo, momento em que aconteceu a heroica virada no placar, até a merecida comemoração, afinal, conforme costumam dizer alguns dos protagonistas dessa conquista, inspirados em uma canção de Chico Buarque, eles “lutaram contra o impossível e venceram o invencível”.
 
Paralelamente à exposição, apresentações e clínicas esportivas, workshops, torneios, bate-papos e encontros que discutem aspectos da modalidade como novas metodologias de ensino, atualização em regras, preparação física, administração e marketing, contextualizam o legado dessa conquista, bem como debatem o atual cenário do basquete nacional.
 
Programação Paralela
 
17/08. Quinta, das 18h30 às 20h - Bate-bola de basquete com os pivôs Gerson e Pipoka
Nesta atividade o público pode jogar basquete com Gerson e Pipoka, os pivôs da Seleção Brasileira Masculina de Basquete, campeã do Pan-Americano de Indianápolis (1987).  Gerson foi um dos grandes nomes da final do Pan-Americano em 1987, começou sua carreira em Minas Gerais, mas fez sucesso mesmo no basquete paulista. Defendeu times tradicionais como Monte Líbano e Corinthians e jogou na Espanha pelo TDK. Hoje, é diretor esportivo do Clube Ginástico, em Belo Horizonte.  Pipoka jogou em Porto Rico em 1991. Seu desempenho no Goodwill Games, em Seatle, nos Estados Unidos, foi a porta de entrada para a NBA, onde defendeu o Dallas Mavericks por um ano. Jogou até 2007 como atleta profissional e atualmente é professor universitário de um curso de Educação Física em Brasília. No Ginásio Verde, 2º andar.
Não recomendado para menores de 16. Grátis
 
19/08. Sábado, das 10h às 18h30 - Torneio de basquete 3x3 masculino
O torneio promove a prática da modalidade e a integração dos participantes. O basquete 3x3 é a mais nova modalidade olímpica e terá a sua estreia nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. O material será fornecido pelo Sesc. Para participar é necessário apresentar um documento original com foto. Com orientação dos instrutores de atividades físicas do Sesc. Inscrições a partir de 1/8 pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. Vagas limitadas.
Livre - Grátis
 
22/08. Terça, das 20h às 21h30 - Como está o basquete feminino no Brasil? – Bate-papo com Hortência, Paula e Barbosa
Bate-papo sobre a história e a realidade do Basquete Feminino Brasileiro com destaques para a formação das atletas, as oportunidades de desenvolvimento da carreira e os motivos das interrupções.  Hortência já disputou cinco Mundiais e duas Olimpíadas, é considerada uma das maiores atletas do basquete feminino e a maior pontuadora da história da Seleção Brasileira. Esteve na coordenação das Seleções Femininas de base, junto à Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e atualmente é comentarista de basquete.  Mais conhecida como Magic Paula (em referência ao jogador americano Magic Johnson), Paula é considerada uma das melhores jogadoras de basquetebol, foi campeã do Campeonato Mundial em 1994 e dos Jogos Pan-Americanos de Cuba, em 1991. Em 2004 Paula criou o Instituto Passe de Mágica, que desenvolve o esporte educacional com crianças e adolescentes.  Antônio Carlos Barbosa, conhecido como Barbosa , é um dos mais importantes treinadores de basquetebol do Brasil, atuando como técnico da Seleção Feminina em três períodos: 1976 a 1984; 1996 a 2007 e a partir de 2016.
Livre - Grátis
 
24/08. Quinta, das 18h30 às 20h - Basquete em cadeira de rodas - Com a Associação Desportiva para Deficientes
Praticado inicialmente por ex-soldados norte-americanos que haviam saído feridos da 2ª Guerra Mundial, o basquete em cadeira de rodas faz parte dos Jogos Paralímpicos desde a sua 1ª edição, em Roma 1960. Para assegurar a sua competitividade as cadeiras precisam ser padronizadas e todas as normas são conferidas pelos árbitros no início da partida.  Nesta atividade o público poderá experimentar o basquete em cadeira de rodas com a equipe da ADD (Associação Desportiva para Deficientes), instituição sem fins lucrativos que atua desde 2001 na educação esportiva para crianças com deficiência. No Ginásio Verde, 2º andar.
Não recomendado para menores de 16. Grátis
 
26/08. Sábado, das 10h às 18h30 - Festival de Basquete Sub 15
O festival promove a prática da modalidade, o encontro e a integração dos participantes. A formação das equipes poderá ser mista e o material será fornecido pelo Sesc. Para participar é necessário apresentar um documento original com foto. Com orientação dos instrutores de atividades físicas do Sesc. Inscrições a partir de 1/8 pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. Vagas limitadas.
Livre - Grátis
 
29/08. Terça, das 20h às 21h30 - O futuro do basquete brasileiro – Bate-papo com Gustavo de Conti, Danilo Castro e Macau
Bate-papo sobre as perspectivas e o futuro do basquetebol brasileiro com relação à formação de atletas, projetos e possibilidades de sucesso das futuras seleções.  Gustavo de Conti , também conhecido como Gustavinho , é ex-jogador de basquete, assistente técnico da Seleção Brasileira Masculina de Basquetebol e técnico do Clube Athletico Paulistano.  Danilo Castro é comentarista de televisão, coordenador da Associação dos Veteranos de Basquete do Estado de São Paulo e instrutor de basquete em uma academia de São Paulo.  Macau jogou basquete de 1981 a 1994, possui experiência com as Seleções Femininas de Basquete de base e adulta desde 2000 e, desde 1990, trabalha no Programa Bradesco Esporte e Educação como técnica de basquetebol e supervisora técnica de todas as categorias de bases, nas cidades de Piracicaba e Osasco. No Ginásio Vermelho, 2º andar.
Livre - Grátis
 
31/08. Quinta, das 18h30 às 20h - Bate-bola de basquete com Maury
Nesta atividade o público poderá jogar com Maury , um dos armadores da Seleção Brasileira Masculina de Basquete que venceu o Pan-americano de Indianápolis (1987).  Maury jogou duas Olimpíadas e quatro Mundiais, defendeu a Seleção Brasileira entre 1981 e 1996 e, dessa geração, foi o que jogou por mais tempo na Liga Nacional de Basquete. No Ginásio Verde, 2º andar.
Não recomendado para menores de 16. Grátis
 
02/09. Sábado, às 10h - Torneio de Arremesso de 3 pontos
O torneio promove a prática da modalidade e a integração das participantes. O material será fornecido pelo Sesc. Para participar é necessário apresentar um documento original com foto. Com orientação dos instrutores de atividades físicas do Sesc. Inscrições no dia e local da atividade.
Não recomendado para menores de 16. Grátis
 
Serviço:
120 X 115: O Ouro em Indianápolis
Abertura: 4 de Julho de 2017, 19h
Visitação: 5 de Julho a 2 de Setembro de 2017
Segunda a sexta, 10h às 21h30 | Sábados, 10h às 18h30
Agendamentos: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Livre - Grátis
Em diversos espaços da unidade
 
Sesc Consolação
Rua Doutor Vila Nova, 245
3234-3000

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook