Darlan Romani ganha ouro no arremesso do peso na Copa Continental em Ostrava

Darlan Romani, campeão   / Foto: Ricardo Bufolin/CBAtDarlan Romani, campeão / Foto: Ricardo Bufolin/CBAt

São Paulo – O catarinense Darlan Romani confirmou a boa fase e conquistou neste sábado (dia 8) a medalha de ouro no arremesso do peso da Copa Continental da IAAF (antiga Copa do Mundo), que termina neste domingo (9), em Ostrava, na República Tcheca. O brasileiro, que representou a Seleção das Américas, fez uma prova perfeita, obtendo as duas melhores marcas da competição.
 
Ele venceu com 21,89 m, resultado alcançado na segunda tentativa. Na quinta ele mandou o peso a 21,68 m. O neozelandês Tomas Walsh (Ásia/Pacífico), campeão mundial de Londres 2017 e bronze no Rio 2016, ficou com a medalha de prata, com 21,43 m, seguido do polonês Michal Hararyk (Europa), bronze com 21,36 m.
 
Recordista sul-americano e quinto colocado no Ranking Mundial da IAAF de 2018, com 21,95 m, Darlan (EC Pinheiros) mostrou muita regularidade em toda a temporada, com arremessos constantemente acima dos 21 m. Agora, o catarinense de 27 anos retorna a Bragança Paulista (SP), onde mora e treina, para participar do Troféu Brasil Caixa de Atletismo, que será disputado nos próximos dias 14, 15 e 16, no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA).
 
No lançamento do disco, a paraibana Andressa Oliveira de Morais (Pinheiros) não reeditou suas melhores performances. Medalha de prata na final da Liga Diamante, a brasileira queimou as duas primeiras tentativas e, na terceira, mais conservadora, obteve a marca de 58,44 m, insuficiente para continuar na competição. Ela terminou na sexta colocação. A campeã foi a outra representante das Américas, a cubana Yaimé Pérez, com 65,30 m.
 
No revezamento feminino 4x100 m, a seleção das Américas foi a campeã, com o tempo de 42.11. A carioca Vitória Cristina Silva Rosa (Orcampi Unimed) fechou a participação da equipe, que teve ainda Angela Tenorio (ECU), Shaunae Miller-Uibo (BAH) e Jenna Prandini (USA). A equipe da Europa ficou em segundo lugar, com 42.55, seguida da Ásia/Pacífico, com 42.93.
 
A cearense Laila Ferrer (Pinheiros) fecha a participação dos brasileiros neste domingo, a partir das 12:13 de Brasília. Líder do Ranking Sul-Americano do lançamento do dardo, com 62,39 m, ela terá adversárias fortes como a alemã Cristin Hussong e a chinesa Huihui Lyu, que ocupam o segundo e o terceiro lugares no Ranking Mundial da IAAF, com 67,90 m e 67,69 m, respectivamente.
 
Veja Também: 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook